Medicina
 
Seja qual for a especialização, algumas características não podem faltar a quem abraça a Medicina, como dedicação e interesse pelo próximo. Esse profissional, que pesquisa, trata e previne doenças, tem de estar constantemente atualizado sobre novas drogas, tratamentos e equipamentos de diagnóstico.

No dia-a-dia, ele faz diagnósticos, analisa exames, receita medicamentos e faz cirurgias. Participa, ainda, de programas de prevenção e de planejamento de saúde coletiva. É um rimo de vida puxado, que exige que se abra mão de boa parte da vida pessoal.

O curso

O currículo é puxado: o período é integral e há muitos trabalhos, seminários e pesquisas a fazer, além dos plantões em hospitais. Nos dois primeiros anos, o aluno aprende as matérias básicas, como anatomia, fisiologia e patologia, sempre com muita atividade em laboratórios.

Boa parte das instituições de ensino oferece disciplinas práticas ainda no início do curso para que o aluno vá, aos poucos, familiarizando-se com as atividades médicas. Mas, lidar diretamente com pacientes, só a partir do terceiro ano, quando começam as disciplinas profissionalizantes e o treinamento em atendimento.

Os dois anos de residência médica, depois de formado, são fundamentais para o graduado aprofundar conhecimentos numa especialização. A duração média do curso é de seis anos.
 

Onde Estudar?
 

Ver Outro Curso
  Clique Aqui
 

Mesma Categoria
 

 

Twitter Facebook Youtube
DF | Goiás | Mato Grosso | Minas | Tocantins | Editora Opirus         
Grupo Olimpo - Todos os direitos reservados.